(MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

(MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por jbelline em Sab 22 Jun 2013, 23:57

Prezados confrades

Comprei recentemente um ClasseA160, mod 2005.
Realizei a manutenção tradicional e revisão, numa oficina da Bosh Car Service.
Foi ofertado usar um "otimizador" chamado militec-1, que tem a função de minimizar atrito no motor.
De fato, a publicidade na rede, no youtube por exemplo, é interessante, mas pergunto, aguém já usou?


------------------------

LAUDO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERIAS - UFMG:

"UFMG Departamento de Engenharía Mecânica                                                          

LAUDO TÉCNICO

PARECER TÉCNICO N.º 03/99

REFERENTE: à análise Física e Química do Condicionador de Metais MILITEC-1, com o objetivo de detectar a formação de Ácido Clorídrico proveniente da reação entre os íons cloretos, presentes no MILITEC-1 e o hidrogênio presente nos vapores de água, que por ventura venham a existir no interior de equipamentos mecânicos ou hidráulicos.

REALIZADO POR:  Prof. Dr. Ramón Molina Valle
Professor Adjunto do Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade Federal de Minas Gerais.

A PEDIDO DE:  Espiña e Ribeiro, Comercio e Representações Ltda. representantes do produto MILITEC-1 em Minas Gerais, por solicitação especial e por escrito, com data de 23/02/99, do Eng.º Fernando Trivellato, Departamento APFM, da  MERCEDES BENZ do Brasil S.A., Juiz de Fora, MG.

1-  HISTÓRICO:

Visando a utilização do Condicionador de Metais MILITEC-1 adicionado ao óleo lubrificante de motores de combustão, redutores e maquinarias industriais em geral, foram realizados diversos experimentos com o objetivo de se determinar a adequação destes dois constituintes, do ponto de vista químico. Diversos ensaios foram realizados em amostras previamente preparadas para determinar alguns parâmetros críticos para os equipamentos, tais como: caracterização química do MILITEC-1 e do Óleo mineral multiviscoso SAE 20W-40, fabricado pela MOBILOIL, utilizado neste teste, grau de miscibilidade dos dois constituintes, e destes com água; acidez da mistura óleo-MILITEC-1 e destes com a água e presença de ions cloretos.

O objetivo final deste estudo é determinar se este material (MILITEC-1) é adequado ou não, para ser utilizado em equipamentos; ou se há a possibilidade de formação de ácido clorídrico (HCl) no sistema a ser utilizado como lubrificante (óleo+MILITEC-1), quando o equipamento esta em pleno funcionamento, o que ocasionaria a corrosão paulatina do mesmo.

2-  METODOLOGIA:

I.  Preparação das amostras.
II.  Caracterização qualitativa das amostras (óleo+MILITEC-1) - Espectros infravermelhos.
III.  Determinação da miscibilidade do MILITEC-1 e o óleo e destes com água em diferentes razões, a temperatura ambiente e 90ºC.
IIII.  Determinação do pH de cada um dos sistemas acima gerados, a temperatura de ambiente e a 90ºC.
V.  Análise qualitativa (identificação de ânions, Cl”) e quantitativa de cloreto, através da técnica de absorção atômica - método indireto.
VI.  Análise quantitativa (volumétrica de neutralização e potenciometria) - acidez total.
VII.  Caracterização e identificação dos constituintes do material das amostras, utilizando a técnica de cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massa (CG/MS).

3- PARECER TÉCNICO:

A análise realizada, para as condições descritas, mostrou que o óleo mineral MULTIVISCOSO SAE 20W-40 utilizado, é formado por uma mistura complexa de hidrocarbonetos alifáticos de cadeia longa. Já o Condicionador de Metais MILITEC-1, além de ser composto de hidrocarbonetos de cadeia longa, apresenta também em sua composição funções éster e algumas delas cloradas.

Pode-se concluir que mesmo com a presença de quantidades grandes de água, como foi o caso das amostras testadas, a mistura óleo+MILITEC-1 permanece com o mesmo pH medido na ausência da água, garantindo baixos índices de acidez da mistura e a “AUSÊNCIA TOTAL DE ÁCIDO CLORÍDRICO”.

4- OUTRAS CONCLUSÕES (a petição do REPRESENTANTE, e derivadas deste estudo).

Como o Condicionador de Metais MILITEC-1 é basicamente um reativo químico composto por Éster clorado sintético integral, que é totalmente estável em presença de umidade e calor, e que, por não conter parafinas cloradas, nem solventes, podemos concluir também:

• A mistura do MILITEC-1 não altera a constituição química / física do óleo.

• O MILITEC-1 reage quimicamente com a superfície metálica e é “ad-sorvido” por esta, em presença de calor, saindo eventualmente totalmente do óleo, que utiliza somente como “veículo”.

• Os gases desprendidos pelo MILITEC-1, quando aquecido, não são tóxicos.

• Quando descartado, o residual de MILITEC-1, que ainda possa estar contido no óleo, não oferece maiores riscos ao ambiente do que o próprio óleo usado.

Belo Horizonte, 20 de Setembro de 1999".

Fontes:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Em inglês: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

LAUDO GAO - UNITED STATES GOVERNMENT ACCOUNTABILITY OFFICE:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

LAUDO DA MARINHA AMERICANA:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


Última edição por AEP em Sex 25 Nov 2016, 23:11, editado 8 vez(es) (Razão : Inserção de laudos técnicos)
avatar
jbelline
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 106
Data de inscrição : 11/06/2013
Idade : 42

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por Karl Fass em Dom 23 Jun 2013, 00:37

Experimentei e nada vi de novo.

_________________
Abraços,
Tio Fass

C126 500SEC  1983
W210 E240 1998
MERCURy COUGAR 1995
W202 C280 1995




Equipe Portal Mercedes Brasil
avatar
Karl Fass
Consultor Técnico
Consultor Técnico

Masculino Mensagens : 3427
Data de inscrição : 05/08/2012
Idade : 60

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por GR em Dom 23 Jun 2013, 05:55

Publicidade é uma coisa e funcionar é outra....Shocked
avatar
GR
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 2274
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 53

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por douglas barddal em Dom 23 Jun 2013, 06:04

Também coloquei uma vez e não senti nenhuma diferença, o que acho que vale a pena é o confrade nas primeira troca de óleo é trocar este com 2.000km junto com o filtro e verificar no filtro antigo se não tem muitas partículas aderidas a este pois nesta km o lubrificante ainda esta com sua máxima ação detergente, e conforme estiver o filtro passar para os 5.000km ou trocar a próxima com 3.000km pois é difícil  saber se era usado o óleo correto pelo antigo proprietário e você se previne contra a maldita "borra", seja bem vindo ao Fórum.
avatar
douglas barddal
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 2709
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por jbelline em Dom 23 Jun 2013, 11:05

Ao comprar ao carro, eu tomei como precações básicas trocar todos os fluidos, filtros e velas além de solicitar uma avaliação eletrônica. Como resultado, o carro está bem, mas foi ofertado alguns produtos: Militec-1, processo de oxi-sanitização e descarbonizante STP - gasolina. Ao me informar sobre o Militec-1 fiquei com o pensamento da real eficiência dele, mas talvez o efeito seja a longo prazo. Os demais processos são até questionáveis, mas como processo inicial, para tentar ajustar o melhor possível o carro, eu aceitei.
O próximo passo será a troca dos amortecedores. 
E por falar neles, vocês poderiam comentar sobre os que são vendidos como "paralelos"?
avatar
jbelline
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 106
Data de inscrição : 11/06/2013
Idade : 42

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por Luiz Pinheiro em Dom 23 Jun 2013, 16:13

Bom, eu não duvido que o produto (militec) funcione, o que eu acho é que deve ser mais eficiente mesmo para frotista, donos de transportadoras e etc. Pois aí roda-se muito com os motores e pode-se extrair economia do menor atrito dos metais.

Para nossos carros, com a km que rodamos anualmente eu realmente acho que não chegamos a conseguir "enxergar" o benefício.

Abs
avatar
Luiz Pinheiro
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 7426
Data de inscrição : 05/08/2012
Idade : 43

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por minssama em Dom 23 Jun 2013, 18:40

Militec eu não conheço, mas já usei Molykote e fiquei satifeito com o resultado. Muitos que usam esses produtos comentam da economia de combustível e na melhora de desempenho, mais eu não cheguei a sentir esses efeitos. Porém, posso afirmar que o motor ficou mais solto, silencioso, com menos vibração. Esses produtos, os condicionadores de metais, são indicados mais para carros 'antigos', de + ou - 10 anos de uso, que é o nosso caso. Um Molykote custa entorno de 25 reais nas lojas, e vale a pena experimentar; danificar o motor ele não vai. Eu já coloquei este no meu W168 e no outor carro que eu tinha  antes (de 8 anos de uso) e percebi diferenças, mas, como já mencionei, a diferença foi mais relacionada ao conforto.
Enquanto a Militec, eu vi muitos reclamarem do preço.
avatar
minssama
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 135
Data de inscrição : 30/09/2012
Idade : 40

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por erocha1985 em Qui 04 Jul 2013, 14:12

Estou tentado a colocar esse condicionador na minha A160 99. Apesar de ter retificado o motor ainda sinto ela com a partida meio "enroscada". Vou experimentar nessa proxima troca e digo como  se comportou. Como o confrade minssama comentou, danificar não vai...
avatar
erocha1985
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 126
Data de inscrição : 12/12/2012
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Militec é recomendável?

Mensagem por Nelson Borges em Sab 06 Jul 2013, 18:50

Olá boa noite. Tenho uma C 280 97 e gostaria de saber se alguém conhece o Militec se já usou ou usa e se vale a pena usar este aditivo ao óleo do motor.Meu carro está com 185.000 km funciona normalmente não esquenta e faz uma média de 8,5 km/lt aqui em Brasília.

Nelson Borges
Usuário Iniciante
Usuário Iniciante

Masculino Mensagens : 19
Data de inscrição : 25/04/2013
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por douglas barddal em Dom 07 Jul 2013, 00:23

Isso ja deu muito pano pra manga no fórum anterior, eu já usei Molikote que é o concorrente mas como não vi diferença não coloquei mais, daqui a pouco alguém, que já usou o Militec vai se manifestar, creio que ele seja interessante para carros que exijam bastante do motor ou seja, andam sempre em giro alto.
avatar
douglas barddal
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 2709
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por alexandre rodrigues em Dom 07 Jul 2013, 16:02

Uso sempre toda vez que troco o óleo ! Nao modifica nada no motor , apenas minimiza o atrito criando uma película nas pecas internas !
avatar
alexandre rodrigues
Usuário Prata
Usuário Prata

Masculino Mensagens : 287
Data de inscrição : 13/11/2012
Idade : 40

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por João em Dom 07 Jul 2013, 18:00

Eu acho errado usar qualquer produto que altere a composição dos fluídos recomendados pela Mercedes Benz.

_________________
Administrador
Equipe Portal Mercedes Brasil
avatar
João
Administrador
Administrador

Mensagens : 10214
Data de inscrição : 05/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por borba em Dom 07 Jul 2013, 18:04

Concordo com o João; a utilização de lubrificante de 1a linha, sintetico de preferencia para as mais modernas, já tem tudo o que é necessário para proteção ao motor  ...não precisa adicionar mais nada, e importante é trocar nos prazos recomendados !bounce Rolling Eyes 

abraço!

borba
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 1069
Data de inscrição : 20/08/2012
Idade : 57

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por erocha1985 em Qui 18 Jul 2013, 13:45

Adicionei o Molykote ao óleo. Nos 2 primeiros dias não vi diferença mas a partir do 3 dia de uso senti o carro mais disposto... talvez o melhor termo fosse o "solto" como o confrade minssama usou. O carro parado parece estar desligado. Ficou muito bom. Vou colocar na caixa de marcha tb. Recomendo.
avatar
erocha1985
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 126
Data de inscrição : 12/12/2012
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por Kanduxo em Qui 18 Jul 2013, 14:30

Os preços são convidativos? Vou providenciar pra colocar na próxima troca de óleo.
avatar
Kanduxo
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 3949
Data de inscrição : 03/04/2013

http://fuscakanduxoemusica.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por douglas barddal em Qui 18 Jul 2013, 15:01

É já usei o Molycote e não notei diferença, talvez a longo prazo e como não pretendo vender este carro por um booom tempo acho que vou começar a usar.
avatar
douglas barddal
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 2709
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por erocha1985 em Qui 18 Jul 2013, 15:11

Paguei 35,00 no frasco que é suficiente para 5 litros de óleo. Como temos apenas 4,5l fica perfeito. Em SP é possível encontrar por 25,00.

Atentar para a diferença entre o produto para Motor e Cambio, pois são diferentes. Do cambio aqui em Fortaleza custa 22,00, em SP vai ser mais barato com certeza.

Douglas e Kanduxo, façam o teste e voltem para contar suas experiências. Wink
avatar
erocha1985
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 126
Data de inscrição : 12/12/2012
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por douglas barddal em Qui 18 Jul 2013, 16:13

É erocha semana que vem ela vai para troca de óleo e do fluido da direção eletro/hidraulica, ja fazem 2 anos da vedação e troca e ele não esta mais verdinho, esta escuro, ai então vou colocar de novo este aditivo no óleo.
avatar
douglas barddal
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 2709
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por SnoOx em Qui 18 Jul 2013, 16:29

Isso é supérfluo para uso normal de um veículo, indicado apenas para máquinas e equipamentos em que se tenha atrito absurdo e excessivo entre as partes. Nos motores de carros o óleo lubrificante mais que cumpre este papel, trocando no prazo correto e utilizando o óleo correto não há necessidade de acrescentar nenhum condicionador de metais.
avatar
SnoOx
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 189
Data de inscrição : 09/06/2013
Idade : 25

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por EfBauru em Qui 18 Jul 2013, 17:38

SnoOx disse tudo.
Óleo correto com trocas no intervalo correto e pronto!
avatar
EfBauru
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 1356
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 57

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por João em Qui 18 Jul 2013, 17:44

Realmente sou totalmente contra esse tipo de aditivo.

_________________
Administrador
Equipe Portal Mercedes Brasil
avatar
João
Administrador
Administrador

Mensagens : 10214
Data de inscrição : 05/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por douglas barddal em Qui 18 Jul 2013, 17:55

Pois é troco a cada 5.000km acho difícil dar problema.
avatar
douglas barddal
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 2709
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por Kanduxo em Qui 18 Jul 2013, 17:57

Troco de 5.000 em 5.000 tb.
avatar
Kanduxo
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 3949
Data de inscrição : 03/04/2013

http://fuscakanduxoemusica.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por douglas barddal em Qui 18 Jul 2013, 18:19

Pois é, é que é barato e pode ajudar o motor, ou ter só um efeito placebo???
avatar
douglas barddal
Usuário Platina
Usuário Platina

Masculino Mensagens : 2709
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 54

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por minssama em Qui 18 Jul 2013, 18:35

Para conservar o motor a troca de óleo a cada 5000km é suficiente, mas o Molykote torna o motor mais silencioso e macio, além de oferecer uma proteção extra, ou, para alguns, redundate. Eu sou contra o uso do Molykote em carros novos; basta trocar o óleo corretamente. Porém, eu curto muito o benefício do produto (já que contem o bissulfeto de Molibdênio, MOS2) no meu W168 que já rodou quase uma década. Mal ele não faz, nem milagre. Abraço.
avatar
minssama
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Masculino Mensagens : 135
Data de inscrição : 30/09/2012
Idade : 40

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: (MANUTENÇÃO): Óleos aditivos Militec-1®, Molykote A2®, Bardahl B12® e similares - pareceres da UFMG, GAO (United States Government Accountability Office e Marinha dos EUA

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum